São Paulo recebe jogo de futebol de celebridades contra o câncer

São Paulo recebe jogo de futebol de celebridades contra o câncer

O Parque São Jorge, no Sport Club Corinthians Paulista, irá sediar o maior jogo de futebol da história de São Paulo, unindo a filantropia e o futebol, em uma campanha inédita de combate ao câncer 

Vinte ONGs que trabalham no apoio a pacientes com câncer participam do Projeto Driblando o Câncer, uma campanha nacional de mobilização contra o câncer, que realiza um jogo de futebol solidário, de celebridades, no dia 15 de dezembro, às 14h00, no Corinthians, Parque São Jorge.

“Objetivo do Projeto é chamar a atenção da opinião pública para a grave incidência do câncer no país, que vitima 600 mil brasileiros por ano e mata 240 mil. E o nosso intuito é unir todos os times de futebol para uma ação conjunta contra o câncer porque essa doença não escolhe time, raça, cor ou credo. Atinge a todos os cidadãos, de forma indiscriminada e cruel”, alerta Gil Santos, presidente da Craques Master, empresa realizadora do evento.

Fotos: Divulgação

Artistas, celebridade, médicos e anônimos estão se unindo ao Driblando o Câncer. Já estão confirmadas as participações no jogo de Cafu, Müller, Veloso, BiroBiro, Júnior (Pentacampeao), Aloísio (seleção brasileira), Luizão(Seleçao), Amaral(Seleçao), Edilson (seleçao),Gustavo Nery, Pavao(São Paulo), Zenon(Corintians), Zé Carlos (seleçao brasileira), Diney(Corintians), César Sampaio (Seleçao), Gilmar (Palmeiras ), Ademir da Guia (Divino) Jamelli (seleção brasileira) e Ronaldão (tetracampeão). Vários jogadores, de outros times, estão sendo convidados.

Adriana Restum, influencer e empresária da Planet Girl, coordena o jogo preliminar feminino, que acontece antes do jogo oficial. Já estão confirmadas para jogar Sabrina Sato, Mary Alexandre, Suzy Cortez (Miss Bumbum World 2019) entre outras celebridades.

 

Câncer pode tornar-se a primeira causa de morte no país

 

A Organização Mundial da Saúde (OMS) estima que a incidência do câncer vai crescer e poderá se tornar a principal causa de morte no mundo. No Brasil, além do cenário também se confirmar, ainda há o desafio de uma população envelhecida, aliada a sistemas de saúde – tanto público, quanto privados – enfraquecidos financeiramente, o que, por vezes, inviabiliza tratamentos avançados, como é o caso das terapias alvo e da imunoterapia.

O diagnóstico precoce pode salvar muitas vidas. Quando diagnosticado em estágio inicial, o câncer tem 90% de chance de cura, além de permitir tratamentos menos invasivos e agressivos e maior possibilidade de salvar o paciente.

Segundo a comissão organizadora do Projeto, DRIBLANDO O CÂNCER objetiva alertar para a prevenção primária estimulando hábitos saudáveis de vida que incluem atividade física regular e alimentação de qualidade. Foca na necessidade do diagnóstico precoce para salvar vidas, pois 90% dos cânceres podem ser curados quando detectados precocemente. E reivindica priorização do câncer nas políticas públicas.

 

Serviço

Jogo solidário DRIBLANDO O CÂNCER

15 DE DEZEMBRO, 14h00 Corinthians – Parque São Jorge – Rua São Jorge, 777 Vila Moreira, São Paulo – SP

Para adquirir os ingressos ou combos – Clique aqui

Ingresso arquibancada R$ 10,00

Ingresso cadeira R$ 20,00

Kit 1 – Kit camiseta + Ingresso (arquibancada) R$ 60,00

Kit 2 – Kit camiseta + Ingresso (cadeira) R$ 70,00

Sem Comentários

Deixe um Comentário